TJPA indefere recurso da Prefeitura de Concórdia do Pará

O governo tenta manobrar o pagamento de gratificações devidas aos professores.

A Prefeitura de Concórdia do Pará tentou derrubar, via suspensão da segurança (recurso excepcional diretamente ao presidente do TJPA), a decisão do juiz Adelino Arrais (Comarca local) que determinou o restabelecimento dos salários dos servidores que haviam sido diminuídos pela lei que reduziu os percentuais das gratificações.

O presidente do Tribunal de Justiça do Pará, Desembargador Leonardo de Noronha Tavares, indeferiu na última quarta-feira (22) o recurso alegando que os salários dos servidores são irredutíveis.

Vitória da categoria!

Clique aqui e leia a decisão na íntegra.

© Copyright SINTEPP

Desenvolvido por Netozip

Receber informativos exclusivos

Cadastre-se para receber nossos boletins informativos, aviso de lives e reuniões do SINTEPP

Também não gostamos de SPAM, fique tranquilo, seus dados estão guardados de forma segura e utilizaremos exclusivamente para enviar nossas novidades.