TF Livre faz campanha de arrecadação solidária

A pandemia do coronavírus trouxe à tona, mais uma vez, o quanto a desigualdade ainda impera em nossa sociedade.

De encontro ao discurso que diz que o vírus “igualou todas e todos” por qualquer pessoa poder ser infectada e assim que “todas e todos devem ficar em casa”, é evidente que algumas pessoas não poderão permanecer em casa se não lhes forem dadas condições mínimas para tal, especialmente no que tange a segurança alimentar e a integridade da vida familiar.

Diante disso, no dia 30/03, o Curso Popular TF Livre, juntamente com a comissão provisória da COOPERFirme (Cooperativa de Serviços da Terra Firme), com apoio da Associação Cultural Amazônica “Boi Marronzinho” e do Grupo Aldeato (responsável pelo espetáculo “A Paixão de Cristo em Canudos”), resolveram iniciar uma campanha solidária para prover as mínimas condições para que as famílias em situação de maior vulnerabilidade pudessem se manter em casa, sem se expor a contaminação e com garantia de alimentação.

A ideia partiu de um grupo de camaradas que contribuíram com elaboração e estratégia de campanha. Marisanta Lobato e João Malcher emprestaram suas contas bancárias para receberem as contribuições.

Assim, com todas as contribuições abaixo relacionadas, tornou possível fazer mais do que discursar sobre a importância do distanciamento social, mas possibilitar que as pessoas com situação econômica desfavorável fiquem em casa e protejam suas vidas e de suas famílias.

Agradecemos, com grande afetuosidade, a todas as pessoas que contribuíram na forma possível para pudéssemos realizar essa tarefa.

Contribuições solidárias articuladas por Edivania Alves: Carlos Augusto Ramos, Darialva Vieira, Daniel Souza Barroso, Gilma Isabel Rego, Joana Valente Santana, Luiza Helena, Maria de Nazaré “Rosa” Soares, Marcos Soares, Myriam Cardoso, Nelson Pinheiro, Oposição SINDPREV/DF, Oposição SINDPREV/BA, Ruy Guilherme Pinheiro. Moacir Lopes, que articulou o SINDPREVS/PA, SINDPREVS/PR, SINDPREVS/RN, SINDPREV/SP (Diretores) e Zaira Valeska Fonseca contribuíram financeiramente.

A solidariedade é o cimento que amálgama as estruturas da luta de classes.

Muito obrigado a todas e todos.

A luta vai continuar, até a vitória da classe trabalhadora!

Curso Popular TF Livre.

***O Curso Popular TF Livre está localizado no bairro da Terra Firme, uma das maiores áreas populacionais de periferia de Belém. A capital paraense é a cidade que concentra a maior parte dos casos confirmados de COVID-19.

Até ontem (12), a SESPA já havia divulgado a confirmação de 259 casos e 14 mortes. 262 casos continuam em análise. A indicação do sistema público de saúde é que seja dada continuidade ao isolamento social.

O SINTEPP continua na luta contra o coronavírus. Por isso lembra: Fique em casa, por você e por sua família.

Se você é do grupo de risco, peça ajuda a seus familiares, se não saia somente para resolver o essencial e ao retornar lembre-se de seguir as orientações do sistema de saúde quando a higienização preventiva ao vírus.

Geisi Dias

Read Previous

SINTEPP informa sobre Decreto 670 de 07.04.2020

Read Next

Humanidade: um protocolo contra COVID-19

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *