Anapu: Por melhores condições de ensino, estudantes bloqueiam BR230  

Alunas/os das escolas estaduais Maria José Santana da Silva e Santa Clara, localizadas no município de Anapu, na Regional Xingu do Sintepp, fecharam a rodovia Transamazônica, na altura da BR230, desta terça-feira (24) para chamar a atenção do governo do estado para as precárias condições de ensino naquele município.

A Comunidade Escolar reclama que as escolas se encontram em total descaso, sem estrutura física e sem funcionários; os poucos que têm estão sendo pagos pelo governo municipal que alega não ter dinheiro suficiente para arcar com salários da quantidade necessária trabalhadoras (os) e para contratar professoras (es).

Um dos principais danos será para as/os estudantes que estão em preparação ao ENEM, obviamente, é a falta de profissionais de ensino que prejudica substancialmente as/os 1.132 alunas/os matriculados para o ano letivo de 2016, estes somente no município de Anapu. Imagine uma reflexão ampliada em nível de Estado.

Na segunda-feira (23) as/os estudantes passaram o dia na prefeitura e ontem (24) mantiveram a interdição da rodovia até a tarde, pois aguardavam o resultado reunião com o gestor da 10ª URE, Wendel Rabelo, o prefeito João Batista Pereira (PSDB) e seu secretariado municipal. O Sintepp acompanhou a manifestação. Do acordo firmado, o governo sinalizou resolver prioritariamente os problemas apontados pelas (os) estudantes. O Sindicato seguirá firme no apoio à Comunidade Escolar.

Geisi Dias

Read Previous

03 de junho: "Assembleia Geral da Rede Estadual em Educação"

Read Next

Prefeito Zenaldo comanda arruaça na assembleia das/os funcionárias/os municipais

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *