Matriz curricular: estudantes dizem não a redução

Não vai ter redução, vai ter luta! Afirmaram os estudantes que estiveram presentes hoje (23) no debate de Redução da Matriz Curricular do governo estadual.

A proposta de reduzir a carga horária de disciplinas fundamentais para o aprendizado das/os alunas/os tem revoltado a comunidade escolar, e na manhã desta segunda-feira (23) estudantes de várias escolas da Região Metropolitana e do interior como Breves/Marajó, lotaram o salão do SESI, na Avenida Mário Covas em Ananindeua, no sentido de protestar contra a proposta do governo, com palavras de ordem e cartazes de denúncia contra o estado precário dos prédios escolares, falta de alimentação escolar, falta de professores, violência entre outras mazelas que preocupam a todas (os).

O professor Alberto Andrade, Coordenador Geral do Sintepp, criticou o formato como vem ocorrendo esses debates. A mesa, composta apenas por representantes do governo, não conta com a participação do Sindicato, Ministério Público e estudantes. Andrade denunciou também a imposição da Secretaria de Educação nos debates, onde apenas é falado e nada é encaminhado. O governo está brincado com a educação Pública do Estado, pois sem estudo nenhum de impacto educacional tenta implementar, de cima a baixo, um projeto de redução da carga horária das/os professoras/es e, consequentemente, o acesso ao conhecimento humano.

A estudante Daniele Alves, coordenadora geral do grêmio da Escola Estadual Gerson Peres, no Município de Breves, no Marajó, viajou 12h junto com mais duas estudantes para chegar à capital e participar do debate, Daniele criticou a centralização do debate na metrópole, excluindo o interior. “Faltam vagas nas únicas três escolas existentes no município e o governo ainda quer reduzir a matriz curricular para deixar mais estudantes sem vagas nas escolas”, afirmou Daniele.

O Sintepp convoca a comunidade escolar para o último debate sobre a matriz curricular nesta terça-feira (24), na escola Nossa Senhora do Rosário na BR 316, ao lado da Assembleia de Deus, em Marituba, às 14h.

COMUNICADO IMPORTANTE:

O Sintepp informa que a Seduc transferiu o debate da tarde desta terça-feira (24) para o dia 30|05 (segunda-feira), na escola Nossa Senhora do Rosário na BR 316, ao lado da Assembleia de Deus, em Marituba, às 14h, sobre a matriz curricular. Por isso convocamos a comunidade escolar para o último debate sobre o tema. Não falte! 

Geisi Dias

Read Previous

Estudantes ocupam escola para cobrar melhorias

Read Next

Estudantes ocupam escola em Belém

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *