Ato dos/as servidores/as públicos estaduais contra o desmantelamento do IASEP

O plano de saúde dos servidores estaduais arrecada por ano cerca de R$ 500 milhões de reais só de desconto em folha, tendo mais igual quantia de contrapartida do governo.

No final do ano passado, o governo Jatene encaminhou proposta de projeto de lei para a ALEPA, que foi aprovado por unanimidade, cujo único recuo foi o não reajuste da alíquota, remetendo esta definição ao Conselho de Administração do plano.

Apesar de todo o enxugamento imposto por Jatene, diversos profissionais, hospitais  e clínicas continuam suspendendo atendimento do plano, justificando falta de pagamento.

Os ataques às conquistas e direitos dos/as trabalhadores/as do serviço público estadual são a marca da atual gestão do governo Jatene (PSDB). Indiretamente o governo atinge a própria qualidade dos serviços públicos e, portanto, os direitos da população em geral. Não por acaso, vivemos um caos na segurança pública, na saúde, na educação, na assistência social e outras áreas não menos importantes.

As mobilizações das entidades representativas dos/as servidores/as continuarão organizando a resistência e a luta em defesa dos serviços públicos e dos direitos do povo. Não há outra alternativa! Por isso as categorias aprovaram assembleia geral para quinta-feira (19), às 8h00, com concentração na Pça da República.

O Sintepp assinalou paralisação em todos os municípios nos quais se organiza, tendo registrado durante as atividades em Belém trabalhadores (as) em educação da Regional Metropolitana, e dos municípios de Barcarena, Bragança, Castanhal, Jacundá, Mocajuba e Terra Alta.

Sintepp Sindicato

Read Previous

Após desocupar a SEFA, servidores/as seguiram em caminhada ao HOL

Read Next

Greve em Uruará

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *