Sintepp realiza reunião da Coordenação Estadual para planejar ações futuras

A Coordenação Estadual do Sintepp iniciou na tarde de sexta-feira, 18, na Sede da entidade em Belém, reunião para deliberar sobre as pautas prioritárias do próximo período. Estiveram nos debates representantes de todas as 10 regionais do sindicato, possibilitando a avaliação precisa e definição de assuntos que estavam na ordem do dia.

Entre as principais questões, a situação dos (as) trabalhadores (as) da Educação Especial em exercício e os concursados, recebeu maior atenção e tempo de discussão. O Sintepp mantém a posição de luta pela garantia de que seja resguardado o concurso público, considerando que esta é uma das bandeiras históricas de nossa categoria. Porém, se coloca veementemente contrário à posição do governo Jatene/Helenilson de destratar trabalhadores (as) que dedicaram anos de suas vidas profissionais ao Estado, o que demonstra um grave problema criado pelo governo, sendo ele o principal responsável. Durante a reunião com o governo, ocorrida também nesta sexta-feira (18) o assunto esteve em pauta, para acompanhar mais informes clique aqui: http://sintepp.org.br/2015/09/11139/

Foi definido pela CESintepp que no dia 10.12 será realizado o Encontro Estadual de Educação Pública, tendo como tema “Os trabalhadores em educação não pagarão pela crise”, e durante os dias 11 e 12.12 haverá a terceira reunião do Conselho Estadual de Representantes (CER) deste ano.

A CESintepp decidiu quanto a liberação para atividade classista. Hoje são garantidas pela lei quatro liberações sindicais ao Sintepp e a coordenação aprovou como dirigentes liberados os (as) companheiros (as) Conceição Holanda, Ronaldo Rocha, Maurilo Estumano e Mauro Borges.

No sábado (19) os debates foram reiniciados a partir da discussão acerca da Campanha Salarial 2015/2016. Além das agendas previstas e informes sobre as recentes reuniões, a Coordenação apontou como precedentes os seguintes pontos: Campanha permanente do Fora Jatene/Helenilson/Ana Cláudia Hage; eleição de representantes sindicais por escola; provocar o judiciário sobre o andamento das ações de abusividade da greve e redução de jornada; aumentar a diversificação de materiais virtuais para denunciar a política perversa do governo contra a educação pública, criando canais permanentes de inserção na mídia, além dos veículos já disponíveis na entidade e também através de parcerias com a imprensa comunitária e popular, buscando manter os espaços já disponibilizados na mídia comercial; organizar o lançamento da campanha contra a privatização da educação. Até o dia 24.09, quando será realizada paralisação estadual, os dirigentes avaliaram o andamento da coleta de assinaturas do abaixo assinado que pede exoneração de Helenilson Pontes intensificando a campanha nas escolas que ainda não receberam o documento. Também serão organizadas ações regionais e movimentações em praças e feiras para dialogar com a população.

O Sintepp realizará estudo da carreira e remuneração para tentar prevenir perdas futuras.  Também será avaliada de que maneira se entrará com ações judiciais sobre as aulas suplementares para evitar maiores prejuízos à categoria, a partir da implementação da jornada de trabalho no limite de 220h. Em relação aos descontos de greve, como já informado, o governo mantém a posição irredutível de suspensão e propõem a “extensão” do calendário escolar; a posição da CESintepp acompanhará as deliberações da categoria, e elaborará nota para divulgação das próximas ações.  O Sintepp buscará o diálogo com os demais sindicatos do serviço público estadual a fim de unificar a luta das Campanhas Salariais para enfrentar a onda de ataques aos direitos dos trabalhadores no estado.

Ficou definido também que o Sintepp irá acompanhar junto à Alepa a discussão do orçamento público e sua destinação para a educação. O Sintepp organizará Seminário específico sobre Previdência para esclarecer a categoria sobre as mudanças ocorridas em função do ajuste fiscal realizado pelo governo federal.

Para a composição do Conselho Estadual do FUNDEB foram aprovados os nomes dos companheiros Vanildo Pereira e Gerson Dourão, sendo que a coordenação encaminhará ofício informação a CNTE. Para a composição do Conselho Estadual de Educação foi definida uma lista tríplice composta pelos coordenadores Ronaldo Rocha, Maurilo Estumano e Gerson Dourão, dentre os quais um será o escolhido.

Em relação às acusações virtuais aos dirigentes do Sintepp feitas em uma página fake, a CESintepp aprovou Nota de Repúdio às calúnias e difamações, bem como de apoio e solidariedade aos nossos dirigentes, nota esta que será publicada nas mídias da entidade, além de ser dada continuidade ao inquérito policial e ação judicial já em andamento.

Sobre a Copa Sintepp, a Secretaria da Coordenação Estadual de Eventos Culturais e Lazer informou que a final desta edição será nos dias 03 e 04.10, na Escola Superior de Educação Física, em Belém, devendo as Regionais participantes entrar em contato com a secretaria da pasta se houver dúvidas quanto aos critérios de participação e demais detalhes do evento. O Coordenador Benedito Faro atenderá no telefone (91) 988590769.

A eleição da Subsede de Redenção veio ao debate tendo a CESintepp orientado que a decisão mais adequada acerca da sua composição, posse e andamento dos trabalhos da nova gestão terá que obedecer a deliberação da assembleia geral da categoria que aprovou o Regimento Eleitoral.

Em relação a liberação para atividade classista da Subsede de Parauapebas, foi definido pela Coordenação Estadual que serão reiteradas as orientações para que a Coordenação da Subsede acate a deliberação do CER. Neste sentido, as coordenadoras da subsede que perderam o mandato devem ter a liberação anulada, para que se encaminhe os nomes de quem está atuando na coordenação local.

Sintepp Sindicato

Read Previous

Trabalhadores (as) nas ruas contra o ajuste de Dilma e o desmonte de Jatene

Read Next

Em defesa dos Coordenadores (as) do Sintepp e contra a tentativa de divisão da categoria!

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *