O Liberal mente, mas a sociedade não está de olhos vendados

Não calarão o Sintepp. Nossa luta é em defesa da educação pública.

O Sintepp ao longo de seus 32 anos de história sempre esteve na vanguarda da defesa dos direitos dos (as) trabalhadores (as), da resistência à ditadura Militar aos dias atuais, nunca se omitiu de sua tarefa, talvez por isso incomode tanta gente.

A postura independente e autônoma do Sintepp frente aos governos de plantão e aos partidos políticos é uma marca que muito nos orgulha, fruto da combatividade de nossa categoria e da capacidade de sua direção, não por acaso somos referência para muitas outras categorias de trabalhadores tanto do setor público quanto privado em nosso estado.

Hoje enfrentamos os ataques sórdidos do governo Jatene contra a nossa categoria e à própria educação pública do Pará, agonizante, por conta dos parcos recursos investidos.

A falta de pagamento do piso salarial do magistério (dívidas de 2011 e 2015); escolas com estrutura física caindo aos pedaços; falta de material de expediente, pedagógico e de limpeza; “alimentação escolar” irregular e de péssima qualidade; desconto abusivo e arbitrário dos nossos salários; não cumprimento do calendário escolar de 2014; contratação de servidores temporários de forma irregular, são alguns dos inúmeros expedientes utilizados, pelo titular da secretaria de educação, Helenilson Pontes, blindado pela sua secretária adjunta da SAEN, Ana Cláudia Hage, para tentar calar o Sintepp e a nossa categoria.

Se não bastasse isso, o órgão de comunicação oficial do governo Simão Jatene, aquele que recebe milhões do erário público para pintar um “Pará das maravilhas”, na sua saga insana para tentar desmoralizar o Sintepp, ataca a nossa entidade com factóides espúrios e alucinados, inclusive tentando nos jogar contra a opinião pública (ao que parece realizaram até uma pesquisa de opinião), contra a nossa base e contra entidades parceiras na luta contra o mandonismo tucano.

As relações promíscuas entre o atual governo do Pará e as “organizações” de comunicação oficial fedem e envergonham a opinião pública, isso sim deveria preocupá-los.

Por fim, a revolta da nossa categoria tem alvo certo: o governo Jatene e seus aliados submissos na sua jornada irresponsável contra o serviço público estadual, contra a educação pública de nosso estado e contra a nossa categoria.

Sintepp Sindicato

Read Previous

Em Ananindeua: categoria reivindica o pagamento da GNS no desfile escolar

Read Next

Categoria aprova ato e paralisação para 24.09

One Comment

  • Atualmente, o Sindicato tente se defender de ataques sórdidos do Governo. E também, críticas da própria classe da educação que responsabiliza o Sintepp de não prover meus jurídicos para neutralizar os descontos efetivados pela gestão estadual. O Ano letivo comprometido. Mas não podemos esquecer que todo esse roubo nos salários e falta de pacto nos acordos trabalhistas é por conta do Governo TUCANO PSDB.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *