Sintepp reúne no Banpará sobre descontos indevidos e abusivos

Na manhã desta sexta-feira, 3, o Sintepp reuniu com a Ouvidoria e os Superintendentes do Banpará para buscar resolver coletivamente a questão dos descontos consignados e BanparáCard. Visto que a categoria reclama que o banco está efetivando débitos indevidos e abusivos.

Além do golpe protagonizado por Jatene|Helenilson|AnaHage com os descontos de greve, avolumam-se reclamações de duplicidade de descontos e envio precipitado de nomes de trabalhadores para o SPC/SERASA.

O Banpará se manifestou no sentido de analisar cada caso dos trabalhadores em educação do Estado, sugerindo que cada servidor procure sua agência e tente renegociar sua dívida do consignado e Banpará nas menores margens possíveis. Segundo a Superintendência o trabalhador pode buscar a confissão da dívida e assim reduzir os juros para percentuais de 1,05% a 2,0%, abaixo.

Ainda na reunião foi informado pela Superintendência que se a tentativa de acordo em sua agência não suprir as expectativas do servidor, o mesmo deve procurar o departamento de cobrança da Sede do Banpará que também estará à disposição para resolução dos problemas ocorridos e possíveis equívoco, se comprometendo a solucionar os transtornos causados aos trabalhadores em educação. A Superintendência localiza-se na Av. Pte. Vargas, 251 – Campina, e funciona em horário bancário.

O sindicato buscou o diálogo para resolver o impasse, levando para análise da direção do banco, e continuará acompanhando os casos individualmente para resguardem os direitos dos educadores.

Sintepp Sindicato

Read Previous

Decisões do STF (Sintepp e Apeoesp): efeitos diferentes com decisões formalmente idênticas

Read Next

Governo Jatene não garante reposição, e mantém intransigência

One Comment

  • HOJE, ESTIVE EM MINHA AGENCIA PARA RESOLVER O PROBLEMA DE DUPLICIDADE DO DESCONTO DO CONSIGNADO PORÉM A FUNCIONÁRIA DO BANPARÁ RELATOU QUE NADA FOI PASSADO PELA SUPERINTENDENCIA DO BANCO PARA RESOLVER O PROBLEMA –> TIVE UM DESCONTO DE 4000 MIL REAIS SENDO QUE DESTE 800 FOI FALTA DE GREVE –> O QUE O SINDICATO IRÁ FAZER?????

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *