Belém: secretária de Educação expulsa Coordenador do Sintepp de reunião

Em pleno estado democrático de direito (século XXI) a Secretária de Educação do município de Belém, Rose Salame, expulsou o Coordenador Geral da Executiva Belém do Sintepp, Maurilo Estumano, da sala onde ocorria a reunião solicitada pelo sindicato na manhã desta quinta-feira (06.11), na Semec.

A ação do Coordenador do Sintepp, fora a de ser contundente na defesa dos (as) trabalhadores (as) em educação se contrapôs ao gesto descontrolado e autoritário (característico do perfil da secretária e da administração tucana). Ao que Estumano rechaçou esse comportamento e, ainda evocou seus direitos.

O Sintepp esclarece que a Coordenação da Executiva Belém, e obviamente Estumano por ser Coordenador Geral, fora eleita por sua categoria democraticamente para representá-la. Diferente dos gestores da Semec, que ocupam o cargo de forma indicada. E, observa-se na Secretária Salame que a mesma assume com obstinação a postura de “dama de ferro”, ensejando sua substituição por outra pessoa mais capacitada e que compreenda os princípios democráticos da sociedade.

Não se deve esquecer que a organização sindical é um instrumento previsto constitucionalmente, portanto goza da legalidade e legitimidade.

O sindicato convoca todos (as) educadores (as) da rede municipal de Belém para acompanhar a agenda de atividades programada para o período. As pendências são inúmeras e as ações desnecessárias protagonizadas pelo governo Zenaldo (PSDB) diante das tentativas de diálogo do Sintepp só pioram o cenário.

 

Portanto, faz-se urgente a manutenção de nossa união e aparelhamento. Fique atento (a) a agenda de lutas da Executiva Belém, chame seus colegas. Mobilize sua escola. Participe!

 

11|11 (terça-feira)

Audiência pública, às 15h, na CMB (Tv. Curuzú, com Rômulo Maiorana)

 

13|11 (quinta-feira)

Assembleia geral, às 10h, no CSN (Av. Nazaré, estacionamento CAN)

 

Só conquista quem luta!

Sintepp Sindicato

Read Previous

BASTA DE EXTERMÍNIO NAS PERIFERIAS PARAENSES! CPI DAS MÍLICIAS JÁ!

Read Next

Benevides: categoria questiona atraso de salários e imposições do prefeito

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *