São Domingos do Capim: Nakata (PSDB) atrasa novamente salários e categoria retoma GREVE

A Rede Municipal de Ensino de São Domingos do Capim, na Regional Nordeste I do Sintepp, voltou a cruzar os braços nesta segunda-feira (15), depois que o prefeito Alberto Nakata (PSDB) fechou os canais de negociação da Campanha 2014 com o Sintepp.

Em maio deste ano a categoria realizou a 1ª greve pelo mesmo motivo. A época os principais pontos de reivindicação eram: reformulação e implantação do PCCR unificado (com participação do Sintepp); concurso público para todos os níveis que houver necessidade; garantia de liberação da sindical; cumprimento do concurso público realizado em 2012; eleição para diretores e responsáveis de escolas; construção de escolas e reformas dignas nas existentes; merenda escolar regular; melhores condições de trabalho e valorização profissional e qualificação para efetivos. A greve foi suspensa após a assinatura de um acordo, elaborado com a intermediação do Ministério Público.

Ocorre que as irregularidades na gestão Nakata permanecem. Por isso, os (as) educadores (as) de São Domingos do Capim deliberaram na semana passada por paralisar as atividades escolares por tempo indeterminado, a fim de pressionar o governo a dar uma resposta sobre a aplicação de recursos para a educação pública Os (as) trabalhadores (as) estabeleceram como prioritários na negociação os seguintes pontos: Pagamento imediato dos salários atrasados; 2. Lotação dos (as) concursados (as) e 3. Garantia da participação do Sintepp na reformulação e implantação do PCCR unificado.

Passados três dias paralisados os cerca de 1.000 profissionais da educação da cidade ainda esperam por uma reunião com o prefeito e elaboraram um dossiê a ser entregue a Promotoria de Justiça no próximo dia 25.09, em audiência já marcada. No documento serão anexas denuncias de má administração dos recursos da merenda escolar e outras demandas da comunidade escolar.

As Coordenações Estadual e Regional do Sintepp acompanham as negociações e esperam que a situação se resolva o mais rápido possível, afinal o maior prejuízo é para a sociedade.

Prefeito Nakata, negocie com respeito as pautas da educação ou a greve continua!

Só conquista quem luta!

Leia mais:

http://www.sintepp.org.br/sao-domingos-do-capim-educacao-entra-em-greve-pelo-nao-cumprimento-do-pccr-unificado/

Sintepp Sindicato

Read Previous

No TJE/Pa vitória dos (as) trabalhadores (as) em educação de Belém, mas a luta continua

Read Next

panfleto_17_de_setembro_semec-edição_05

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *