A portas fechadas, vereadores aprovam extinção de cargos na PMB

Servidores municipais de Belém passaram o dia do lado de fora da Câmara Municipal de Belém (CMB), depois que o presidente da Casa, Orlando Reis, impediu o acesso dos trabalhadores à galeria.

Lá dentro os vereadores da base de apoio ao prefeito Zenaldo Coutinho aprovaram o projeto de lei (PL) que extingue mais de 49 cargos do serviço público, o que afetará diretamente a sociedade belenense.
Desde o mês passado os trabalhadores permaneciam de plantão na CMB na tentativa de barrar o PL, porém os vereadores foram irredutíveis, e hoje (23) reuniram-se a portas fechadas, impedindo a população de acompanhar a votação que influenciará na vida do funcionalismo público municipal.
Ainda estão em debate as emendas que tratam sobre o aumento de vagas, de maioria de autoria do vereador Fernando Carneiro, no entanto de maneira autoritária foi aprovada a extinção de cargos. As entidades sindicais analisam uma forma de barrar na Justiça a decisão de hoje a noite.

Sintepp Sindicato

Read Previous

Baião em greve pelo direito de estudar e trabalhar

Read Next

Seduc quer reduzir a quantidade de aulas da matriz curricular do ensino médio

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *